Polícia Civil Desarticula Local Que Era Utilizado Como Rinha De Brigas De Galo No Norte Do Estado

Data do post: 13/06/2021 22:42:18 - Visualizações: 251

Secretaria de Segurança PúblicaAlém do crime ambiental, os policiais civis apreenderam 24 galos que estavam em situação degradante e com sinais de maus tratos.

Um local que funcionava como rinha para promoção de brigas de galo, foi desarticulado pela Polícia Civil do Tocantins (PC-TO), com apoio de fiscais do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins). A ação aconteceu no final da tarde desta quarta-feira, 09, na cidade de Bandeirantes do Tocantins e resultou na apreensão de 24 galos, três espécies de ringues, que eram utilizados para a realização das brigas entre os galos, além de várias gaiolas que eram utilizadas para o confinamento dos animais.

De acordo com o delegado responsável pela 38ª Delegacia de Arapoema, Marco Aurélio Barbosa, as investigações tiveram início após o recebimento de denúncias de que, em uma chácara, localizada em Bandeirantes do Tocantins estariam ocorrendo brigas de galo com o objetivo de atrair apostadores. Os agentes iniciaram os levantamentos e constataram a existência do local, que embora adaptado para promover as brigas de galo, não oferecia as mínimas condições para criação e também manutenção dos animais.

Com auxílio de fiscais do Naturatins, lotados no Núcleo de Araguaína, os animais foram apreendidos e retirados do local e estão recebendo tratamento veterinário. A maior parte deles se encontrava muito debilitada. Segundo o delegado Marco Aurélio, as pessoas responsáveis pelo centro de briga de galo, conseguiram escapar pouco antes da chegada da Polícia Civil, mas a polícia civil continua as buscas aos fugitivos, os quais já foram identificados e responderão por crimes ambientais, e de maus tratos aos animais.

Além dos indiciamentos feitos pela Polícia Civil, o dono do imóvel rural também recebeu uma multa de R $12 mil reais, aplicada pelos fiscais do Naturatins.



Fonte: Secretaria de Segurança Pública