Tocantins Regulamenta o Controle da Praga “Bicudo do Algodoeiro”

Data do post: 12/04/2019 08:07:47 - Visualizações: (267)    Imprimir

Com o objetivo de normatizar o cultivo de algodão no Tocantins e criar mecanismos de controle de pragas nesta cultura, o Governo do Estado, por meio da Agência de Defesa Agropecuária, publicou no Diário Oficial desta quinta-feira, 11, a Instrução Normativa nº 05, que dispõe sobre medidas fitossanitárias para o controle do bicudo do algodoeiro, principal praga que atinge esta plantação.

Adapec TocantinsO presidente da Adapec, Alberto Mendes da Rocha, disse que a legislação foi preparada pelo órgão para regulamentar o cultivo do algodão no Tocantins, uma vez que esta cultura poderá contribuir significativamente para alavancar a economia do Estado. “O governo vem buscando meios para o crescimento econômico do nosso Estado, e o plantio de algodão é mais uma alternativa, por isso, preparamos esta legislação permitindo que a partir de agora o produtor rural que tiver interesse em investir neste setor encontrará um embasamento legal”, ressaltou Alberto.

O responsável técnico pelo Programa Estadual de Grandes Culturas, Helcids de Sá Reis explicou que o bicudo do algodoeiro é a principal praga do algodão que causa prejuízos econômicos elevando o custo de produção da cultura, por isso, existe a necessidade de estabelecer medidas fitossanitárias para prevenção e controle da praga.

A instrução normativa prevê: cadastro obrigatório das propriedades produtoras de algodão junto a Adapec até 15 de janeiro de cada ano; estabelece o Vazio Sanitário para a cultura do algodão no período de 20 de setembro a 20 de novembro de cada ano; destruição dos restos culturais e plantio excepcional.

Dados

O Tocantins possui atualmente uma área plantada de algodão estimada em 5 mil hectares distribuída nos municípios de Tocantinia, Dianópolis, Mateiros e Gurupi.

Fonte: ADAPEC Tocantins

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.

Em Destaque

Tocantinópolis Está de Luto, Morre em Araguaína a 3ª Sargenta da PM-TO Cristiane Caetano Milhomem

Foto da notícia

Data: 15/06/2019 15:37:19 - Visualizações: 6152

Notícias Relacionadas

16/06/2019
Show da Banda Falamansa Marca a Abertura do 20° Arraia da Amizade e 3° Arraiá da UnirG

14/06/2019
Denúncias Oferecidas Pelo MPTO Resultam na Prisão de Agente de Polícia Civil

14/06/2019
Naturatins Apresenta Resultados Positivos Sobre Gestão Hídrica em Audiência Pública

14/06/2019
Olyntho Neto Reabre Discussão do Novo Código Florestal do Tocantins

14/06/2019
Corpo de Bombeiros Realiza Travessia no Lago Nesse Domingo, em Palmas

14/06/2019
Sine Tocantins Está Entre os Seis Mais Efetivos do País

Todas as Notícias