TOCANTINÓPOLIS:
Facebook Youtube Twitter
Siga-nos:

Polícia Militar Prende Homem Por Tráfico de Entorpecentes, Apreende Dinheiro e Celular de Origem Duvidosa

Data do post: 08/02/2019 15:35:32 - Visualizações: (368)

Ele foi flagrado em atitudes suspeitas em sua residência e, na abordagem, os Policiais Militares encontraram sob sua posse drogas, dinheiro trocado e celular de origem duvidosa.

Ascom 2° BPMEle confessou ser dono das drogas. Foi imediatamente preso e conduzidos para a DP de Plantão por tráfico de entorpecentes.

O fato aconteceu às 10h50 desta quinta-feira, 07, na Rua Grajaú, Setor Martins Jorge, em Araguaína-TO, onde uma guarnição do Serviço de Inteligência da Polícia Militar realizava patrulhamento e percebeu uma movimentação muito suspeita em uma residência e acionou os Policiais Militares fardados para realizar averiguação.

Nas buscas, foram encontrados sobe a posse do morador da casa, homem de 24 anos, uma quantidade considerável de substância entorpecente semelhante à maconha, sendo quatro porções menores preparadas para a venda, três pedaços maiores, um recipiente contendo uma quantidade significativa da droga e também a quantia de R$ 163,00 em dinheiro para troco. Na ocasião, foi encontrado também um aparelho celular de origem duvidosa.

Os Policiais Militares flagraram outro homem chegando no local, mas este confessou ser usuário de drogas e que teria chegado ali apenas para comprar uma porção. O morador da casa confessou ser o proprietário das substâncias ilícitas.

Diante dos fatos, a Polícia Militar deu voz de prisão para o homem de 24 anos e o conduziu juntamente com as drogas, o dinheiro e o celular de origem duvidosa para a DP de Plantão onde foi devidamente autuado por tráfico de entorpecentes.

Fonte: Ascom 2° BPM

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.