TOCANTINÓPOLIS:
Facebook Youtube Twitter
Siga-nos:

Polícia Militar Recupera Moto Minutos Após Ser Roubada, Celulares e Detém Um Suspeito

Data do post: 06/08/2018 13:43:34 - Visualizações: (805)

Na manhã deste sábado, 04, às 06h40, policiais do 2º Batalhão de Polícia Militar em Araguaína recuperaram motocicleta minutos após o roubo, apreenderam celulares roubados e detiveram um indivíduo.

Ascom 2° BPMA ação aconteceu depois de uma vítima de roubo, ocorrido no setor Entroncamento, por volta das 06h10, informar via Central do 190 sobre o crime, bem como as características dos autores. As guarnições prosseguiram ao patrulhamento na cidade atentos à identificação dos suspeitos, sendo que ao trafegarem próximo à BR 153, saída do bairro Nova Araguaína, os policiais avistaram dois indivíduos com a aparência repassada transitando na suposta moto, uma Honda CG 150 de cor preta.

A guarnição se aproximou dando voz de parada, no entanto, os infratores empreenderam fuga pela BR 153 sentido bairro JK, quando já na Rua Artefala Abraão desse setor, os suspeitos largaram a moto e um conseguiu fugir pelo matagal. O outro, homem de 18 anos de idade, tentou fugir correndo adentrando a uma residência, mas foi detido pelos militares.

Com ele foram apreendidos dois celulares, os quais confessou ter roubado no setor São Miguel e Nova Araguaína, além de outro celular de origem ilícita apreendido na residência. Segundo o suspeito, pegou o último aparelho celular de uma pessoa não identificada para vender. A motocicleta recuperada também se constatou que havia sido roubada poucos minutos antes no setor Entroncamento.

Diante dos fatos, o autor foi preso em flagrante e apresentado no DP de Plantão, onde responderá por roubo perante a Justiça Estadual do Tocantins.

Fonte: Ascom 2° BPM

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.