Tocantinópolis - TO
Tocantinópolis - TO
TOCNOTÍCIAS Vocês Fazem a Notícia, Nós Apenas Divulgamos!
Siga-nos
Facebook Youtube Twitter

Polícia Civil Cumpre Mandado De Prisão Contra Professor Condenado Por Três Estupros De Vulneráveis No Interior Do Estado

Data do post: 12/06/2021 01:03:25  Imprimir 

Secretaria de Segurança PúblicaHomem foi condenado a uma pena de 24 anos de prisão por abusar sexualmente de três crianças. 

A Polícia Civil do Tocantins (PC-TO), por intermédio da 53ª Delegacia de Araguacema, efetuou a prisão de um professor, de 40 anos.  Ele foi condenado a 24 anos de reclusão, pelos crimes de estupro de vulnerável contra três crianças, sendo duas de nove e uma com oito anos de idade. O criminoso foi capturado, no Assentamento Tarumã II, localizado na zona rural de Araguacema.

Comandada pelo delegado-chefe da 53ª DP, Antônio Onofre Oliveira da Silva Filho, a ação foi desencadeada na noite desta quarta-feira, 09, depois que as equipes da unidade policial receberam do Poder Judiciário, cópia do mandado de prisão em desfavor do indivíduo.  O homem foi localizado pela polícia no assentamento Tarumã e conduzido à Cadeia Pública de Araguacema, onde deu início ao cumprimento de sua pena.

As investigações apontaram que os crimes ocorreram entre os anos de 2017 e 2018, no Projeto de Assentamento Tarumã, sendo que duas crianças foram abusadas na escola e uma na residência do autor. “Conseguimos reunir fortes indícios das práticas dos crimes, tais como laudos periciais que comprovaram os abusos e também o relato das vítimas que foram ouvidas em procedimentos especiais”, disse o delegado.

O indivíduo foi condenado à pena de 24 anos de reclusão, sendo que o juízo da Vara Criminal de Araguacema expediu o mandado de prisão para início imediato do cumprimento da pena, logo após o Tribunal de Justiça do Tocantins convalidar a decisão do magistrado de 1º grau, ao rejeitar recurso de apelação do réu.

Fonte: Secretaria de Segurança Pública

ATENÇÃO!
Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.