TOCANTINÓPOLIS
TOCNOTÍCIAS Vocês Fazem a Notícia, Nós Apenas Divulgamos!
Siga-nos
Facebook Youtube Twitter

Em Menos De 24 Horas, Polícia Civil Prende Dois Homens Suspeitos De Cometer Roubos Em Série Em Araguaína

Data do post: 18/09/2020 22:50:18 - Visualizações: (355) Imprimir

Secretaria de Segurança Pública-TOHomem cumpria pena por roubo, mas tinha rompido a tornozeleira eletrônica pela qual era monitorado.

Em menos de 24 horas, a Polícia Civil do Tocantins, por meio da Delegacia de Repressão a Roubos (DRR), em Araguaína, solucionou dois crimes de roubos. Os suspeitos foram identificados e presos pela equipe coordenada pelo delegado-chefe da unidade, Felipe Crivelaro. De acordo com ele, as investigações foram iniciadas após a Delegacia tomar conhecimento de que um veículo havia sido roubado e, com ele, um estabelecimento comercial tinha sido invadido por dois homens armados ocupando uma motocicleta.

Com base nos levantamentos, um dos suspeitos foi identificado como suposto autor dos crimes, o que levou o delegado Felipe Crivelaro a representar junto ao Poder Judiciário pela prisão do homem. A prisão foi e cumprida na manhã desta quinta-feira, 17.

Em seguimento às diligências, os policiais civis da DRR identificaram o segundo suspeito dos crimes, que já é velho conhecido da polícia pela prática de vários crimes e que também respondia em semiliberdade, inclusive com uso de tornozeleira eletrônica. Assim foram até a residência que ele estaria escondido. Ao chegar ao local, os agentes avistaram o homem, que levantou as mãos para cima e gritou que estava armado. Imediatamente, ele foi revistado, sendo que os policiais civis encontraram em sua cintura, um revólver calibre 38, municiado e que teria sido utilizado nos assaltos.

Desse modo, os policiais adentraram a residência, onde localizaram porções de drogas, dinheiro, proveniente dos roubos praticados na noite anterior. Os policiais constataram também que o indivíduo havia rompido a tornozeleira e não mais utilizava o equipamento de monitoramento.

Diante dos fatos, o homem foi levado até a Central de Atendimento da Polícia Civil, onde foi autuado por posse ilegal de arma de fogo. Ocorre que, na unidade policial, os policiais descobriram que havia um mandado de prisão contra o homem justamente por regressão de regime e, assim, a ordem judicial foi cumprida e o homem foi recolhido à Casa de Prisão Provisória de Araguaína (CPPA), onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

O delegado Felipe Crivelaro ressalta que ambos os indivíduos autores dos roubos em série estavam cumprindo pena em semiliberdade por outros roubos anteriores.

Fonte: Secretaria de Segurança Pública-TO

ATENÇÃO!
Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.