TOCANTINÓPOLIS
TOCNOTÍCIAS Vocês Fazem a Notícia, Nós Apenas Divulgamos!
Siga-nos
Facebook Youtube Twitter

Durante a Pandemia da Covid-19 Apenas 18 Unidades Penais Estão Recebendo Novos Presos

Data do post: 09/06/2020 11:36:40 - Visualizações: (483) Imprimir

Secretaria de Segurança Pública-TOCom o objetivo de evitar a proliferação do novo coronavírus nos estabelecimentos penais do Estado do Tocantins, a Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), através da Superintendência de Administração dos Sistemas Penitenciário e Prisional, está realizando a Operação Lockdown. A finalidade é limitar o recebimento de novos presos em algumas unidades prisionais durante a Pandemia da Covid-19 e assim evitar a proliferação do novo coronavírus entre a população carcerária.

A Operação iniciou a terceira etapa nesta segunda-feira, 8, e prossegue até o dia 22, nesta fase apenas 18 estabelecimentos penais, dos 38 do Estado, estão recebendo novos presos, são eles: Guaraí, Ananás, Araguacema, Babaçulândia, Pedro Afonso, Palmas, Paraíso, Lajeado, Arraias, Dianópolis, Gurupi, Talismã, Tocantinópolis, Araguatins, Miracema, Colinas do Tocantins, Porto Nacional e a Unidade de Segurança Máxima de Cariri que receberá apenas os casos positivos para Covid-19.

O superintendente de Administração dos Sistemas Penitenciário e Prisional da Seciju, Orleanes Souza, conta que cada etapa da Operação Lockdown dura 15 dias, sendo o prazo necessário para avaliar se as unidades prisionais selecionadas permanecem aptas a receberem novos presos com a realização de todo o protocolo necessário para preservar a saúde dos já custodiados e dos ingressos no sistema.

“A Importância da Fase 3 é a tentativa de eliminar o vírus de dentro dos estabelecimentos penais do Tocantins. No dia 22, faremos nova avaliação juntamente ao Núcleo de Contenção da Covid-19 do Sistema Penal, com as equipes de saúde do sistema penitenciário e com o médico do Sistema Prisional, para alterarmos se for o caso”, explica.

A limitação de unidades para receber novos presos, respeita a regionalização operacional e administrativa, ofertando o ingresso de novos presos em cadeias ou casas prisionais nas cinco regiões estratégicas, conforme orientações do Plano Estadual de Segurança Pública (Pesse).

Outras medidas

A Operação Lockdown integra uma série de medidas adotadas pela Seciju desde o anúncio da pandemia, entre elas estão à suspensão de visitas às unidades; destinação de celas de isolamento para os novos presos; protocolos de limpeza e higienização do ambiente; uso obrigatório de máscara dentro das unidades; triagem com resposta a questionário e aferição de temperatura de servidores, prestadores de serviços e representantes do judiciário que pretendam entrar nas unidades prisionais e ainda foi estipulado o contato mínimo entre agentes e reeducandos.

Também foram criadas duas Centrais de Isolamento de Detentos para com Sintomas da Covid-19 (leitos de enfermaria), sendo uma no Núcleo de Custódia e Casa de Prisão Provisória de Palmas (CPP Palmas) e a outra na Unidade de Tratamento Penal Barra da Grota. Além da realização de teste de Covid-19 entre servidores e pessoas privadas de liberdade.

Fonte: Secretaria de Segurança Pública-TO

ATENÇÃO!
Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.